Alsácia, o paraíso da enogastronomia (parte 2)

Continuando nossa viagem pela Alsácia… O enófilo pode se perceber perdido quando em sua visita “vai à caça” de os vinhedos mais famosos dentre os 51 Grand Cru. Porém algumas dicas podem ser dadas, ainda que nesta matéria estejam limitas ao Haut-Rhin (Alto Reno). Bas-Rhin (Baixo Reno) fica para outra viagem. Vinhedos, vinícolas e vilas:…

Alsácia, o paraíso da enogastronomia (parte I)

Caso queira se exercitar a arte da enogastronomia – combinação de vinho e comida- a Alsácia se impõe como um dos melhores sítios do planeta. O roteiro enoturístico por este pedaço de terra, de gastronomia ímpar e vinhos brancos deliciosos, é algo de se guardar para sempre na memória. Alsace, em francês; Elsass em alemão…

Montevidéu: Comer, Beber e Estudar (parte 2)

Está se aproximando o grande evento da Sociedade Latino Americana de Medicina Sexual – SLAMS 2015, 13 a 16 de agosto em Montevidéu-, e como coloquei no artigo anterior, aqui vão dicas de onde beber bem nesta charmosa cidade. Pode-se dizer que o Uruguai é um país onde se bebe e come muito bem. Caso…

Montevidéu: comer, beber e estudar.

Semana que vem (13 a 16) começa nesta bela e acolhedora cidade o maior evento de Medicina Sexual da América Latina, o XIII Congreso de laSociedadLatinoamericana de Medicina Sexual – SLAMS 2015. A programação científica foi feita de modo a abranger os aspectos mais significativos que envolvem a prática clínica ao profissional (urologista, ginecologista, psiquiatra,…

Dicas de Barcelona

Compartilho com vocês o que mais gostei em viagem recente à Barcelona. Taberna Paco Meralgo – Muntaner, 171 (esquina com Córsega) 93 430 90 27 Horário: 13 às 16 horas e 20 às 0:30 horas. http://www.pacomeralgo.com Melhores pedidas de tapas: bacalhau, camarões, pão de tomate; batatas bravas, montadito de trufa, atum, birlocho. Pratos pequenos: rabo de…

A rota das bolinhas nobres

Champagne, de onde vem os ‘bolinhas nobres’, é uma das regiões vinícolas mais atraentes para qualquer enófilo (amante do vinho). De todas as regiões vinícolas francesas é a mais acessível, pois fica a pouco mais e uma hora de Paris e pode ser alcançada por carro ou trem. Outra vantagem é que dá para se…