Vinhos: prazer ou investimento?

Quando estou com sede bebo água. Quando desejo prazer, bebo vinho. E quando pretendo investir em algo a ser vendido depois, pode ser tudo, menos vinho. O investimento pessoal no que nos dá prazer tem que se sobrepor.  Quero ter vinhos especiais para compartilhar com pessoas amadas e ao bebê- los, poder recordar desses momentos…

O universo da paixão

Quando a paixão acontece entramos em estado de graça. Estar apaixonado é ficar ao mesmo tempo em aceleração e entorpecimento. Todos os sentidos ficam aguçados, e ao mesmo tempo há um relaxamento pleno quando estamos próximos da pessoa amada. Ficamos mais bonitos, alegres e dispostos. É um estado de euforia incompatível, o casal quer estar…

Avaliando sentindo o vinho | Parte 2

Um amante de vinho sabe o quanto a bebida do deus Baco é capaz de oferecer momentos de verdadeira magia. Só o vinho é capaz de oferecer aquele instante mágico, aquela sensação de profundo “sentido”. Podemos falar de um cheiro da emoção. O ato de cheirar está intimamente ligado a se emocionar, sempre. Um vinho…